Fauna Marinha Tropical

Nas águas quentes e límpidas das regiões tropicais desenvolvem-se os recifes coralíferos, ecossistemas de uma imensa beleza, dada a variedade de cores e a riqueza biológica que ostentam. Os corais, pequenos animais primitivos que vivem em colónias, estão na origem destas verdadeiras obras arquitetónicas, edificadas a partir da sucessiva sobreposição dos esqueletos calcários segregados por estes animais.

Para se desenvolverem em boas condições, os corais necessitam de se associarem com pequenas algas unicelulares, chamadas zooxantelas, razão pela qual os recifes apenas aparecem nas soalheiras águas superficiais.

As condições ambientais são favoráveis ao aparecimento de uma imensa diversidade de formas de vida, que competem e lutam permanentemente pela sobrevivência, adotando as mais fascinantes estratégias de ataque e defesa.
A Fauna marinha tropical (3), exibida em 5 aquários com uma capacidade de 1150 litros, ocupa outra área da exposição. Incluem-se neste grupo as espécies de formas e cores exuberantes que habitam os recifes de coral. 

A sua manutenção em boas condições tornou-se possível graças ao desenvolvimento das técnicas de aquariologia e ao aumento do conhecimento sobre os ciclos biológicos que influenciam a qualidade de água dos aquários.